Sexta-feira, 16 de Julho de 2010

 

Actualmente, as relações humanas estão a perder importância e os bens materiais estão a ganhar terreno. Está instalado um consumismo exagerado, que põe de lado a importância dos verdadeiros relacionamentos e cria dificuldades de comunicação entre as pessoas.

Na verdade, é na infância que são estabelecidas as bases para a criação de um adulto saudável e responsável, que sem a convivência com os outros dificilmente conseguirá crescer. O ser humano necessita de um processo de aprendizagem, no qual lhe são incutidos valores e crenças, sem as quais não se consegue distinguir das demais espécies.

Do mesmo modo que, crianças privadas de socialização, as conhecidas crianças-selvagens, não desenvolvem as suas capacidades enquanto ser humano, e por tal se tornam “selvagens”, também as crianças de hoje sofreram consequências pelo seu isolamento e perderam qualidades. As relações de inter-ajuda estão a desaparecer, o individualismo e egocentrismo estão a aumentar monstruosamente, estão a criar-se “criaturas maléficas” com características desumanas, cujo seu interesse apenas se resume ao carácter monetário e consumistas. Sendo estes os valores transmitidos às crianças.

Evidentemente, que a privação das crianças de brincarem na rua, de jogar em grupos, de criar amizades, de rir e de chorar com os outros, alegando que são perigosas todas estas práticas, são atitudes que mascaram para sempre as crianças. Vejam-se as crianças que vivem em pequenos meios, onde as relações humanas têm maior relevância e muitas das “novas brincadeiras” ainda não ganharam protagonismo, ai verifica-se uma maior felicidade e humildade.

  Note-se que, a evolução tecnocientífica que a sociedade está atravessar é bastante importante, e não deve ser posta de parte, no entanto, é necessário existir um meio-termo, medindo bem o que se está a oferecer às crianças e não esquecendo que estas serão o futuro.

Portanto, as crianças precisam de brincar em grupo, de aprender a realidade que os rodeia, de que existem pessoas boas e más, dificuldades que as fazem chorar e amigos que as fazem rir. O proteccionismo, o dar tudo o que é de mais avançado às crianças não é suficiente, muito pelo contrário, pode ser bastante prejudicial.

publicado por pxipiteka às 11:42
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Últ. comentários
Um encanto...Vai lá ver o Gerad Butler...OMG, ser...
sim titi um génio de facto,é pena n existirem mais...
este homem é mesmo um verdadeiro génio'Pedir mais ...
Está maravilhosa esta campanha =DTiti*
arquivos
2010

2009

blogs SAPO


Universidade de Aveiro